sábado, 5 de março de 2011

Serviço Nacional de Saúde -uma reflexão



Patch Adams (1998), baseado numa história quase verdadeira, que infelizmente só costuma acontecer no cinema. Devemos pensar, considerar, sonhar? Medicina para todos? Medicina como ciência e arte de curar... ou como um expediente?
(a continuar)

domingo, 14 de novembro de 2010

primum non nocere






...ou seja, primeiro, não fazer mal. É o 1º juramento de Hipócrates. Esta senhora parece que é pediatra. Eu se fosse criança ou mãe de criança doente dela tinha medo.
"em rigor, não há exames de rotina", a charada de Lei de Murphy volta a atacar (depois de um mau ministro da saúde, vem outro ainda pior - Sempre).
Assim, não só se foi destruindo o SNS e os Hospitais públicos, SA, EPE ou lá o que sejam, como se aniquilaram de vez os cuidados de saúde primários.
A rotina devia consistir nos exames de rotina, pedidos pelos MGFs, antes de se detectar algo tarde demais -foi assim que me ensinaram. Assim, abrem-se as torneiras a um desperdício tardio e inglório, que torna utentes em doentes crónicos ou em cadáveres como o sistema de Saúde.
Não são as "recomendações internacionais", mas o senso comum que nos devia reger. Infelizmente há sempre uma lista de espera longe demais, quando as pessoas minimamente "razoáveis" têm medo de abrir a boca e só restam, infelizmente, os tristes que lá estão (no poleiro).

quinta-feira, 16 de setembro de 2010

Prenúncio de coisas sérias

What the Doctor Said


He said it doesn’t look good
he said it looks bad in fact real bad
he said I counted thirty-two of them on one lung before
I quit counting them
I said I’m glad I wouldn’t wan’t to know
about any more being there then that
he said are you a religious man do you kneel down
in forest groves and let yourself ask for help
when you come to a waterfall
mist blowing against your face and arms
do you stop and ask for understanding at those moments
I said not yet but I intend to start today
he said I’m real sorry he said
I wish I had some other kind of news to give you
I said Amen and he said something else
I didn’t catch and not knowing what else to do
and not wanting him to have to repeat it
and me to have to fully digest it
I just looked at him
for a minute and he looked back and it was then
I jumped up and shook hands with this man who’d just given me
something no one else on earth had ever given me
I may even have thanked him habit being so strong

Raymond Carver

sábado, 27 de fevereiro de 2010

parece que

a gripe se foi embora, aquela, a especial aditividad da vacina. Shhhhhh, é só até à vacina do ano que vem. Cobaias, nós? Não, só um bocadinho mal informados.
Avante camaradas, do que as pessoas morrem mesmo toda a gente desconfia, ninguém quer é pensar nisso.